Relatório da Greener aponta dados importantes do mercado de Geração Distribuída
Relatório da Greener aponta dados importantes do mercado de Geração Distribuída

O Estudo Estratégico de Geração Distribuída 2023 do Mercado Fotovoltaico, realizado pela Grenner, classificou a Sunova Solar em 5º lugar entre as marcas de módulos fotovoltaicos mais lembradas do Brasil e em 7º lugar entre as empresas com maior volume importado para o país. Além disso, a empresa conseguiu alcançar uma participação de mercado de 5% em 2022. A pesquisa tem o objetivo de mostrar a realidade do mercado, de forma que seja um guia para auxiliar na estratégia de todas as empresas do setor.

Segundo o relatório, o volume de módulos FV demandados pelo mercado brasileiro em 2022 para atender a geração solar ultrapassou os 17 GW, viabilizando investimentos superiores a R$ 64 bilhões tanto para geração distribuída quanto para grandes usinas – um crescimento de 73% em relação a 2021 (10,3 GW). Além disso, a pesquisa também mostra que a geração solar própria continua sendo investimento rentável e vantajoso ao consumidor.

De acordo com o Country Manager da Sunova no Brasil, Wellington Araújo, a empresa seguirá com foco principal no mercado de GD (Geração Distribuída), tendo os distribuidores como seu principal canal de vendas no mercado. “Alcançamos a marca de 1GW fornecidos no Brasil em 2022 e, em 2023, estabeleceremos uma política comercial mais sólida junto a nossos principais parceiros que nos ajudaram a alcançar essa marca. Limitaremos o número de empresas que faremos atendimento direto”, disse.

Araújo fala sobre a desafiadora meta de 1,2GW que a Sunova tem esse ano, em um mercado extremamente competitivo com novos entrantes aparecendo a todo momento. “Só conseguiremos isso se direcionarmos os nossos esforços e atendimento de nossa equipe comercial para os distribuidores que conseguirem trabalhar essa audaciosa meta com a gente”, ressalta.

Segundo o especialista, isso vem de encontro também após a recente visita do CEO da Sunova, William Sheng, ao Brasil e reuniões com os principais clientes da empresa. “Como movimento estratégico, seguiremos com nosso projeto de termos o estoque local via armazém alfandegado para garantir uma disponibilidade estratégica de produtos a nossos distribuidores como mais uma opção dentro do seu mix de compras”, observa o Country Manager.

Para saber mais sobre a Sunova Solar, basta acessar: www.sunova-solar.com/po/