Startup mineira cresce 270% a.a
Startup mineira cresce 270% a.a

Fundada em 2018, no município de Governador Valadares (MG), a startup mineira Bit Tech, especializada em tecnologia para o bem-estar e qualidade de vida, alcançou um crescimento de receita anual de 270%. Através do desenvolvimento de ferramentas tecnológicas para empresas de assinatura, a Bit Tech apresenta ao mercado soluções que buscam melhorar o bem-estar e qualidade de vida das pessoas e ao mesmo tempo colaborar para a saúde financeira das empresas de assinatura.

 

Tayronne Medeiros, CEO da Bit Tech, conta como o projeto saiu do papel e se tornou realidade. “Toda empresa quer pagar menos impostos, reduzir o churn e oferecer mais valor a seus clientes. E vimos nessa necessidade de mercado uma oportunidade de negócio. Preparamos o time para compreender as necessidades dos clientes e oferecer soluções. Em quatro anos de história, atendemos atualmente mais de 100 empresas parceiras, desde as pequenas com 200 clientes na base, até grandes com milhões de clientes”, contou. 

 

Tayronne acredita que a Bit Tech democratiza o acesso a conteúdos relacionados à saúde e bem-estar através dos produtos BIT TRAINERS, um sistema via streaming com aulas curtas para o corpo e a mente, e o BIT BOOK, um aplicativo com diversos e-books sobre saúde em geral. Ambos são personalizados, levando a marca dos parceiros para os usuários. “Nosso propósito é criar soluções democráticas para levar saúde e bem-estar a todos os estados brasileiros e soluções que atendam às necessidades dos nossos clientes”, explicou Tayronne.

 

BIT TRAINERS é eleita o terceiro melhor SVA do Brasil pela revista RTI

A Bit Trainers é uma plataforma voltada para a prática de atividades físicas personalizadas em casa ou na academia. O aplicativo está disponível para usuários de smartphones dos sistemas Android e iOS, em versão gratuita e “premium”, e possibilita que eles mantenham a rotina de atividades físicas dentro de casa, conciliando seus horários e a disponibilidade de tempo. A plataforma conta com programas de treinamento para objetivos específicos; treinos atualizados diariamente por profissionais especializados, incluindo alongamentos; e mais de 500 demonstrações de como executar o movimento de forma correta evitando lesões; e também modalidades para a mente como Meditações Guiadas e treinos de Yoga.

 

Para aumentar o público, a startup elegeu a dançarina e influencer Sheila Mello como embaixadora da marca. Recentemente a plataforma alcançou a marca de mais de 100.000 downloads na Google Play. “A BITT já está presente em todos os estados brasileiros. Levar saúde de forma prática, de fácil acesso e colaborar para que as pessoas consigam adotar um estilo de vida saudável é nosso maior objetivo”, enfatizou Tayronne. 

 

Recentemente a Bit Trainers foi eleita o 3º melhor SVA de 2022 segundo os provedores de internet. A pesquisa foi publicada na revista RTI, cujo objetivo é conhecer as marcas mais usadas pelos ISPs. “Fomos destaques na categoria Plataforma de SVA, ficando na frente de streamings de entretenimento, plataformas de comunicação e muitos outros, uma vitória que nos motiva a fazermos sempre mais”, comemora Tayronne.

 

Mercado de assinaturas no Brasil ganha confiança dos consumidores

O mercado de clubes por assinatura vem ganhando força no Brasil nos últimos anos. Durante a pandemia da COVID-19, esse modelo ganhou espaço entre os consumidores que buscavam praticidade durante o isolamento social. Com o fim do cenário pandêmico, o mercado de assinaturas se consolidou e ganhou a confiança dos brasileiros. “O mercado de assinaturas recorrentes no Brasil está em franco crescimento e com excelente potencial de desenvolvimento. A VINDI descobriu que mais da metade dos brasileiros pagam entre 6 e 10 serviços mensalmente e quase 25% têm mais de 10 serviços em assinatura”, reforça Tayronne.

 

De acordo o CEO, “A Bit Tech está focando seu crescimento no setor de telecomunicações – com cerca de 30 mil empresas no mercado brasileiro – visando manter um crescimento anual de 270% e uma lucratividade de 40%, alcançando um faturamento aproximado de 5 milhões”. Segundo Tayronne para continuar atingindo a meta de crescimento, a startup pretende alcançar outros mercados como o de RH, e o de consultoria on-line de nutricionistas e personal, ampliar os descontos em estabelecimentos fitness, e criar uma loja virtual com produtos próprios. “Neste ano, nossa meta é chegar a milhões de usuários, além de levantar investimentos e acelerar a Bit Tech, disputando com outras gigantes de mercado. Estamos prontos para crescer em dois anos, o que levaria, normalmente, cinco”, afirma.