O corpo do senhor Antonio Chinelato, de 78 anos, foi encontrado na represa de Anhembi na última sexta-feira, 28, após três dias de buscas realizadas pelo Corpo de Bombeiros. A família do idoso suspeitava de afogamento, já que ele havia desaparecido de casa e seu carro foi encontrado próximo ao local onde o corpo foi encontrado.

Segundo informações, o sobrinho do idoso retornou ao local depois que os mergulhadores informaram que o corpo levaria de 48 a 72 horas para emergir. Por volta das 3h30, ele caminhou às margens do Rio Tiete, nas proximidades do Parque Ecológico na Lagoa Municipal, e avistou o corpo próximo à rampa de embarcação utilizada por pescadores. Ele amarrou o corpo em um galho com uma corda para evitar que fosse levado pela correnteza, pois o rio estava muito cheio.

A Polícia Militar e a perícia estiveram no local para investigar o ocorrido. A família e amigos lamentaram a perda do idoso, e a comunidade se solidarizou com a família neste momento difícil.