A jovem botucatuense Yasmin Maia, de 11 anos, desde os seus seis anos, tem obtido destaque na Ginástica Rítmica, mas sua família tem encontrado uma barreira para que ela consiga continuar representando Botucatu em competições cada vezes maiores e distantes, falta de apoio financeiro na modalidade.

Em suas redes sociais, a mãe de Yasmin, Adriana Maia, divulgou a situação e pede apoio de empresas e empresários, para que a filha continue seguindo seus sonhos e represente Botucatu nas competições nacionais.

“Quanto vale um sonho? Esta pergunta respondo diariamente, quando levo minha filha para o treino de Ginástica Rítmica e quando vejo ela treinando em casa, com toda sua dedicação e persistência. Desde tão nova (6 anos), nos mostra uma lição de vida, a de não desistir, mesmo diante de tantas dificuldades. Agora, após quase 5 anos de dedicação chegou a hora de se preparar para enfrentar novos desafios, as grandes competições nacionais. Num cenário tão desafiador, as dificuldades para fazer frente aos custos para se preparar para essas competições são enormes.  Mas a Yasmin sempre me ensinou que não podemos desistir e sim lutar com toda a nossa força. E acreditem, estamos lutando! Faço tudo que posso financeiramente para ajudar a Yasmin nesse sonho, mas os custos são enormes.  Se você é Empresário de qualquer ramo de negócio, e acredita que o esporte pode transformar vidas, pode nos ajudar a realizar esse sonho tão importante”, publicou.

Quem puder ajudar Yasmin, para que ela possa participar das competições, pode entrar em contato com a família através do telefone (14) 99723.4151 ou pelo e-mail [email protected].

 

 

Botucatu Online