Na última segunda-feira, 24, a Vigilância Ambiental em Saúde, VAS, foi acionada para resgatar um gambá na região Norte de Botucatu. Chegando à região, foi constatado que se tratava de um gambá-de-orelha-preta (Didelphis aurita), animal que não é encontrado com frequência em áreas urbanas, embora já haja registro de sua presença em Botucatu.

Nos últimos dois anos, foram resgatados dois destes marsupiais na região Sul do Município.

“Uma espécie de gambá que é comum em nossa região e muito bem adaptada a áreas urbanas é o gambá-de-orelha-branca (Didelphis albiventris), sendo que em 2020 foram resgatados 458 destes marsupiais. Porém esse, o de orelha preta, são pouquíssimas ocorrências em nosso Município”, afirmou Valdinei Campanucci, Supervisor de Serviços de Saúde Ambiental e Animal.

O gambá encontrado foi solto em uma mata da região Norte.

Ao verificar um desses animais dentro de residências, a população pode acionar a VAS para o resgate. De segunda a sexta-feira, o atendimento é entre 7 às 17 horas, através do telefone (14) 3813-5055. Após horário comercial e aos finais de semana e feriados, o plantão da Vigilância deverá ser acionado através do 199 da Guarda Civil Municipal.

Mais informações

Vigilância Ambiental em Saúde
Endereço: Av. Major Matheus nº 07, Vila dos Lavradores

Telefone: (14) 3813-5055

 

Comunicação