A notícia do recente convênio celebrado entre a empresa CordeiroBIZ e a Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da Unesp, câmpus de Botucatu, teve uma boa repercussão junto aos ovinocultores.
Em fevereiro, produtores da raça ovina Bergamacia fizeram contato com a empresa para propor uma parceria, com o objetivo de proteger a genética Bergamacia e contribuir com a geração tecnológica encabeçada pelo CordeiroBIZ.
Os produtores encaminharam para a FMVZ da Unesp de Botucatu um lote constituído por 60 ovelhas registradas na Associação Brasileira de Criadores de Ovinos (Arco), provenientes de fazendas situadas nos estados de Goiás e Rio de Janeiro.
A participação dos ovinocultures no convênio CBIZ/FMVZ tem previsão de duração de cinco anos, período no qual alunos da Faculdade poderão desenvolver atividades de ensino, extensão e pesquisa com visão de mercado e atuação prática.
A gestão do rebanho será realizada com o aplicativo SOCO – Sistema Operacional Customizado em Ovinocultura, tecnologia desenvolvida pela CordeiroBIZ para auxiliar na coleta e processamento de dados zootécnicos. Os produtores terão acesso ao SOCO e poderão acompanhar os manejos e resultados remotamente.
O CordeiroBIZ está aberto à produtores, investidores e alunos interessados em conhecer detalhes do sistema de produção de ovinos pelo email[email protected], telefone (14) 3880-2983.