A moradora de Botucatu, Mônica Aparecida Campos, de 26 anos, faleceu nesta segunda-feira, 07, vítima da Covid-19.

Mônica, que estava internada no Hospital das Clínicas de Botucatu, é uma das mais jovens vítimas da doença entre munícipes da Cidade. Ela ficou 30 dias internada.

A vítima mais jovem foi uma criança de 11 anos, no final de abril.

O Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu fez uma homenagem a jovem, ex-aluna da instituição:

“É com profundo pesar que a Diretoria do Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu (IB) comunica o falecimento da ex-aluna Mônica Aparecida Campos. Ela estava internada há 30 dias para tratamento das sequelas da COVID-19, mas não resistiu e faleceu nesta segunda-feira, 7 de junho.

Graduada no curso de Ciências Biológicas, modalidade Licenciatura, no IBB/Unesp, ela também foi aluna bolsista de Iniciação Científica em Bioquímica, com ênfase em Biologia Óssea, sob a orientação do Prof. Dr. Willian Fernando Zambuzzi (2013-2015). Foi também aluna de Iniciação Científica no Departamento de Fisiologia, com ênfase em Reprodução e Metabolismo, sob a orientação da Profa. Dra. Ana Carolina Inhasz Kiss (2016-2017).

Ainda atuou no Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), com alunos de escola pública, sob orientação do Prof. Dr. Valdir Gonzalez Paixão Jr. (2015-2017).

Nos solidarizamos com os familiares e amigos neste momento de dor e saudade.”

 

Botucatu Online