DUBAI, Emirados Árabes Unidos, Dec. 07, 2023 (GLOBE NEWSWIRE) — A Food Tech Valley assinou um acordo na COP28 com a ReFarmTM para iniciar a construção de uma revolucionária “GigaFarm” de 83612.736 metros quadrados. A inovadora exploração de resíduos terá capacidade para reciclar mais de 50.000 toneladas de resíduos alimentares e cultivar dois mil milhões de plantas por ano.

A ReFarmTM foi fundada nos Emirados Árabes Unidos pela SSK Enterprise e pela Christof Global Impact (CGI) como um grupo de empresas com foco em projetos com circularidade e tecnologias limpas. A marca optou pela tecnologia de agricultura vertical desenvolvida pela Intelligent Growth Solutions (IGS), fornecedora de infraestruturas, e a sua construção está prevista para meados de 2024 no Dubai’s Food Tech Valley, como um projeto de desenvolvimento lançado por Sua Alteza, o Sheikh Mohammed bin Rashid Al Maktoum, sendo liderada pela Wasl, uma grande promotora imobiliária do Dubai. A ReFarmTM contratou o seu banco principal para obter o apoio da UK Export Finance do Departmento de Negócios e Comércio do governo do Reino Unido.

Pela primeira vez a nível mundial, seis tecnologias complementares serão colocadas nas instalações do Dubai Food Tech Valley como parte de um sistema circular de valorização de resíduos em circuito fechado, criando, assim, um ecossistema autónomo concebido para maximizar a eficiência dos recursos e evitar que quaisquer resíduos sejam depositados em aterros.

Com capacidade para cultivar mais de três milhões de quilos de produtos por ano, o local apoiará o movimento dos EAU para a descarbonização da produção alimentar, substituindo 1% das importações de produtos frescos do país. A construção deverá ter início em meados de 2024, prevendo-se que o local esteja totalmente operacional em 2026.

Sua Excelência, Dr. Thani bin Ahmed Al Zeyoudi, Ministro de Estado do Comércio Exterior dos Emirados Árabes Unidos, afirmou: “A estratégia de crescimento económico dos Emirados Árabes Unidos colocou uma forte ênfase na diversificação e na sustentabilidade, o que inclui o desenvolvimento de novos conhecimentos e capacidades em indústrias de elevado impacto.

“Repensar os nossos sistemas de produção alimentar é uma prioridade clara, e a decisão da ReFarm de lançar uma instalação no Food Tech Valley do Dubai é um passo significativo para o desenvolvimento de um setor agrícola tecnologicamente avançado e com baixas emissões de carbono”.

Oliver Christof, CEO da Christof Global Impact (CGI), comentou: “O que foi alcançado nos últimos 36 meses nos EAU constitui uma mudança de jogo para a indústria alimentar sustentável. Um fator-chave para o sucesso é a mentalidade aberta da liderança dos EAU e uma forte ênfase na circularidade, o que nos permitiu reunir vários grupos, incluindo uma grande variedade de intervenientes locais.”

Contactos para a imprensa:

Carla Furneaux

+447976226408

cfurneaux@webershandwick.com

Steven Flanagan

sflanagan@webershandwick.com

Uma fotografia que acompanha este anúncio está disponível em https://www.globenewswire.com/NewsRoom/AttachmentNg/1662d97a-085e-4e52-a984-01f0cd8ce049



GLOBENEWSWIRE (Distribution ID 1000903223)