Três pessoas ficaram feridas e dois cachorros morrem em um ataque de abelhas africanizadas, a Vila São Lúcio, em Botucatu.

No último dia 31, uma das vítimas procurou a reportagem para relatar o ataque que sofreram no dia 29, na Rua Damião Pinheiro Machado.

De acordo com o homem de 32 anos, ele, sua esposa, de 37 anos, e um primo, de 46 anos, precisaram ser socorridos pelo Corpo de Bombeiros e levados ao Hospital em função do grande número de picadas que receberam de abelhas africanizadas em seu quintal.

A vítima relatou que os dois cães da família, Thor, de 5 anos, e Kiara, de 16 anos, também foram atacados pelas abelhas e não resistiram. “Eu estava saindo do trabalho quando minha esposa me mandou um áudio avisando que abelhas estava atacando nossas cachorros no quintal. Fui correndo para casa, quase bati o carro. Parecia filme de terror tudo que passamos aquele dia.  Ver os animais morrerem, sem poder fazer nada. Eu tentei tirá-los e recebi várias ferroadas, mas não foi o bastante para salvá-los”, lamentou.

O homem ainda lembra que a tragédia poderia ser maior se os seu filhos estivessem no quintal brincando com os cachorros. “Tenho 3 filhos e a minha menor, de 6 anos, era apegada com os cães. Já pensou se ela estivesse brincando com eles no momento do ataque? Misericórdia. Não gosto nem de pensar”, completou.

De acordo com ele, os Bombeiros não conseguiram identificar o local onde estaria o enxame das abelhas, mas há a suspeita que algum morador da região crie essa espécie.

 

Leia Notícias