As empresas do Grupo Caio criaram procedimentos, desde o início da pandemia, e têm desenvolvido novas medidas para combater o vírus, além das ações realizadas continuamente como comunicados, vídeos informativos, cartilhas, manuais, procedimentos internos, obrigatoriedade na utilização de máscara durante todo o expediente, distanciamento social, higienizações nos ambientes, disponibilização de álcool 70º, entre outras.
Dentre as novas medidas, displays com termômetros digitais que podem ser usados sem contato entre os funcionários, foram instalados nas portarias de acesso e passam a integrar o procedimento obrigatório que inclui a medição da temperatura, limpeza dos calçados em tapetes sanitizantes e higienização das mãos com álcool 70º.
Caso a temperatura esteja acima de 37,5º, o funcionário é imediatamente encaminhado ao Ambulatório.
Pela alta rotatividade de pessoas, o Ambulatório Médico da Caio recebeu novos itens que intensificam a biossegurança do local. Verniz com ação antiviral foi aplicado em todas as poltronas, assim como o balcão de atendimento recebeu adesivo que também inibe a proliferação de vírus.
Os empregados que estão saindo ou retornando de viagens pelas empresas, passam por teste para Covid-19, que detecta por meio da presença de anticorpos, se a pessoa está infectada ou se já entrou em contato com o vírus em algum momento.
A Central Covid, linha exclusiva do Grupo Caio para atendimento via telefone ou WhatsApp dos funcionários, é composta por profissionais da área de saúde que acompanham os pacientes com suspeita ou que testaram positivo para o vírus. Vídeo com exercícios de respiração e e-book sobre alimentação, com foco no aumento da imunidade, passaram a ser enviados para complementar os cuidados.
Nos Restaurantes foram instaladas divisórias de acrílico nas mesas de uso exclusivo para colaboradores acima de 60 anos e/ou inclusos no Grupo de Risco. A barreira física é uma forma eficiente de diminuir a exposição aos vírus e bactérias presentes no ar.